Respostas Sociais

Centro de Acolhimento Temporário Infantil “A Magia dos Afectos”

 

  • O Centro de Acolhimento Temporário e Infantil de Pombal é uma das respostas sociais da APEPI, criado em 1991. Destina-se ao acolhimento urgente e transitório de crianças em situação de perigo, provenientes do Distrito de Leiria. Conta com capacidade para acolher 15 crianças, com idades compreendidas entre os 0 e os 12 anos de idade.

  • Aqui, procura-se que as crianças olhem para o futuro com um grande sorriso no rosto, mesmo sabendo que isso nem sempre é fácil. São muitas as partidas que o destino prega a quem nada pediu por isso. Ao longo dos anos já passaram muitas crianças,  e todas elas deixaram saudades e marcaram os nossos corações… Umas marcaram pelas suas histórias de vida, outras pela sua ternura, outras ainda pela sua rebeldia, força ou coragem. Cada uma à sua maneira deixou um pouco de si, enquanto procurámos que levassem muito de nós. 

  • Estas crianças, como qualquer outra criança, têm sede de amor, de carinho, de afeto, de compreensão, de respeito, de ser ouvidas, investidas de atenção e de cuidados, e muita, muita necessidade de colo. Para responder a estes pedidos irrecusáveis, muito tem contribuído a dedicação da Direção, e de todos os colaboradores/as da APEPI que cuidam das crianças do Centro de Acolhimento, fazendo com que se sintam em casa, aconchegadas e sejam o mais felizes possível.

  • Personalizamos o acolhimento em função das características e necessidades de cada criança, mobilizamos os recursos comunitários disponíveis e estabelecemos parcerias para apoio ao funcionamento do Centro.

  • O motivo do acolhimento da maioria das crianças, prende-se com a falta de supervisão e acompanhamento familiar, a exposição a modelos parentais desviantes e a negligência nos cuidados de saúde e de educação. Neste sentido, o programa “Não deixes para amanhã o que podes fazer hoje” que o CLDS+ “Rosa dos Ventos” tem vindo a promover no âmbito das competências pessoais, parentais e sociais ao nível da prevenção é essencial, pois é fulcral apoiar as famílias em tempo útil, visando fortalecê-las na sua capacidade e responsabilidade parental, através de abordagens sistémicas e ecológicas que proporcionem todas as oportunidades de prevenção das situações de perigo e potenciando a preservação familiar.

© Apepi | Todos direitos reservados